Selecione a página

Mais do Mesmo

Mais do Mesmo

Enquanto houver pessoas que busquem o BDSM como forma de resolver seus problemas de relacionamento, teremos mais pessoas com problemas de relacionamento piores.

Enquanto houver pessoas que busquem o BDSM como a derradeira plataforma para arrumar um(a) namorada(o), cônjuge, teremos mais pessoas solitárias, infelizes, mesmo que em um relacionamento, pois este estará longe de ser saudável.

Enquanto houver pessoas que busquem o BDSM como realização de fantasias românticas de elegância, sofisticação e beleza, teremos mais pessoas com sonhos frustrados.

Enquanto houver pessoas que busquem o BDSM para entra na tendência da moda, para “apimentar” a relação, usar roupas pretas e vermelhas e/ou de couro, teremos muitas pessoas com uma sensação momentânea de realização de um fetiche seguidas por uma grande frustração.

Enquanto houver pessoas que busquem o BDSM para realização de práticas sem conhecimento, sem treinamento, sem observar medidas de segurança, teremos mais pessoas machucadas ou pior.

BDSM é uma subcultura estabelecida sobre um framework de bases que estabelecem os fundamentos que diferenciam as práticas e relacionamentos que estão contidas nesta sigla de violência, abuso, exploração, modismos, preconceitos e patologias e doenças psicológicas graves.

Quando se subestima esses fundamentos, a fronteira desaparece, o caos se estabelece de uma forma ruim e muito perigosa.

Você não precisa de uma “faculdade ou universidade BDSM” para mergulhar nesse “meio”. Mas você precisa entender realmente o que está acontecendo, aonde está se metendo, e principalmente, precisa não abandonar seu bom senso e sua capacidade de pensar por conta de quem se diz “do meio” e quer impor maneiras únicas e universais de se comportar que não tem nada a ver com seu jeito de ser.

Ou ignore tudo que eu disse. E mergulhe de cabeça e de olhos fechados. A vida é sua, e eu não tenho nada a ver com ela.

ilustração com bonequinhos se jogando de um precipício

Faça como todo mundo e se jogue de cabeça sem pensar…

Sobre o autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Pin It on Pinterest

Share This